http://www.radiofronterafm.com.br/ads.txt

noticias491 Seja bem vindo ao nosso site radiorevistafronteira@gmail.com!

CIDADE

Após 20 anos de construção, catedral Nossa Sra de Guadalupe será inaugurada em dezembro

Publicada em 24/09/23 às 11:25h - 34 visualizações

Radio Fronteira 101,7


Compartilhe
Compartilhar a noticia Após 20 anos de construção, catedral Nossa Sra de Guadalupe será inaugurada em dezembro  Compartilhar a noticia Após 20 anos de construção, catedral Nossa Sra de Guadalupe será inaugurada em dezembro  Compartilhar a noticia Após 20 anos de construção, catedral Nossa Sra de Guadalupe será inaugurada em dezembro

Link da Notícia:

Após 20 anos de construção, catedral Nossa Sra de Guadalupe será inaugurada em dezembro
 (Foto: Reprodução)

Após 20 anos de construção, a catedral diocesana Nossa Senhora de Guadalupe será inaugurada no dia 3 de dezembro, com uma grande e simbólica celebração, que será presidida pelo bispo Dom Sérgio de Deus Borges. A igreja consagrará Foz do Iguaçu oficialmente como um dos destinos do turismo religioso no Oeste.

A cerimônia será aberta ao público e contará com sacerdotes e fiéis de todas as paróquias. Na oportunidade o bispo realizará o rito de dedicação da catedral, que é marcado por diversos símbolos e gestos. O primeiro deles é a aspersão com água benta sobre o povo. Depois, aspergem-se as paredes da igreja e o altar.

Na sequência o sacerdote faz a liturgia da palavra e deposita no altar as relíquias dos santos e mártires da igreja. O celebrante profere uma oração na qual manifesta a intenção de dedicar o templo a Deus para sempre, pedindo a sua bênção.

O altar e as paredes da igreja são então ungidos com o óleo do Crisma.  Após a unção, é queimado incenso sobre o altar. Também toda a igreja é incensada, sinalizando que aquela é uma casa de oração, assim como o povo.

Por fim, o altar é revestido como sinal de que aquele é o lugar do sacrifício eucarístico e a mesa do Senhor, em volta da qual o sacerdote e os fiéis celebram o memorial da paixão, morte e ressurreição de Cristo. Em seguida, o altar é iluminado com velas. O templo também é iluminado simbolicamente com velas colocadas junto às cruzes que foram ungidas.

Preparado o altar, é celebrada a Eucaristia, parte principal e a mais antiga de todo o rito de dedicação de uma igreja. Para a preparação desta cerimônia, no dia 16 de outubro os padres da diocese ministrarão uma formação sobre o rito.

 

Mês de festa

Como parte da inauguração da catedral, na semana seguinte a abertura oficial da igreja, a diocese celebrará com uma programação especial para os fiéis com missa, oração do rosário, pregação e show com o Frei Gilson.

Membro dos frades carmelitas, Frei Gilson é conhecido pelas pregações e músicas que convertem multidões. Nas mídias sociais, ele conta com mais de 10 milhões de seguidores, e acumula milhares de ouvintes nas plataformas de músicas com sucessos como “Eu Te Levantarei”, “Eu Seguirei” e “Tu És o Centro”.

No dia 8 de dezembro o frei rezará uma missa na catedral às 19h30. No dia 9 o religioso conduzirá a oração do Rosário a partir das 7h; já às 9h30 ele fará uma pregação. Por fim, às 20h, ele se apresentará na Praça da Paz, como parte também da programação do Natal de Foz. Todos os eventos são gratuitos e abetos ao público.

 

Duas décadas de obras

Instalada em um dos pontos mais altos da cidade, a catedral Nossa de Guadalupe começou a tomar forma em 23 de junho de 2003, quando foi lançada a pedra fundamental. A construção, desenvolvida pelo arquiteto Emilio Benvenuto Zanon, teve início em maio de 2004.

Um ano após o começo da obra, o local já abrigava um pequeno oratório chamado de “ermida”.  Em 2010 as paredes da igreja já podiam ser vistas a quilômetros de distância, destacadas pelo esplendoroso telhado.

Em 2013 foi concluída a casa paroquial e, no ano seguinte, a secretaria. A Capela do Santíssimo, que tem capacidade para 120 pessoas, ficou pronta em 2015. No ano seguinte foi concluída a cripta, um espaço destinado ao sepultamento dos sacerdotes e bispos.

A sala de recepção para os turistas e a segunda parede da nave foram entregues em 2018. Em 2019 foi feito o reparo no telhado e em 2020 foi concluído o contrapiso da nave, o nivelamento do piso e divisória de gesso, além da finalização do mezanino e a estrutura das janelas inferiores da nave.

No ano de 2022 iniciou-se a colocação dos vitrais, finalizando em maio de 2023. As equipes trabalham agora nos últimos detalhes da obra, como refrigeração, pintura, e instalação dos móveis litúrgicos para deixar tudo pronto para o grande dia da inauguração.





fronteira/Gdia




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (45)999127301

Visitas: 13395781
Usuários Online: 395
Copyright (c) 2024 - radiorevistafronteira@gmail.com
Converse conosco pelo Whatsapp!